segunda-feira, 31 de março de 2014

O Herói Perdido-Rick Riordan

As aventuras no Acampamento Meio-Sangue continuam, mas dessa vez com novos heróis: Leo Valdez, Piper McLean e Jason Grace são nossos mais novos heróis semideuses.

Jason acorda, de repente, em um ônibus, sem lembrar de nada sobre sua própria vida. Piper é filha de um ator famoso e esconde um grande segredo. Leo é um garoto engraçado, mas tem um passado triste e de vez em quando vê fantasmas.

Quando os três são levados até o Acampamento Meio-Sangue, eles descobrem que são filhos de deuses. Lá eles conhecem Annabeth, filha de Atena. Seu namorado, Percy Jackson, filho de Poseidon, está desaparecido há dias. Além disso, os deuses olimpianos estão proibidos de falarem com seus filhos mortais e o Olimpo todo anda estranho.

Novos heróis, novas histórias, nova profecia, mas a mesma "essência Rick Riordan". Nessa série, além de conhecermos novas personagens, somos apresentados também à mitologia romana, que é muito semelhante à mitologia grega. Afinal, os deuses gregos são iguais na sua forma romana?

Vocês sabem que eu sou muito fã de Percy Jackson e que eu leria qualquer coisa do Rick (intimidade)! Quando eu consegui uma promoção bacana do primeiro livro da série Heróis do Olimpo, eu não pude perdê-la. Gosto tanto dos livros do Rick que esse passou na frente de muitos outros da lista de leitura!

O livro é bom, é leve e é divertido, mas as personagens - principalmente o protagonista - não me cativaram como em Percy Jackson e os Olimpianos. Achei Jason meio sem graça e um tanto metido. E gente, eu não sou a única que acha isso. A maioria dos meus amigos que leram, não simpatizaram com ele.

Piper é uma filha de Afrodite que não é metida e nem mesquinha, o que eu achei bem legal. Mas, fora isso, achei ela meio sem-sal, e, não gosto de algumas atitudes dela.

Já Leo é um caso diferente! Meninas, preparem o coraçãozinho de vocês, pois Leo Valdez chegou para ficar! Ele tem um passado bem triste, mas mesmo assim não perde seu humor. Além disso, ele é meio excluído na maior parte do tempo, como se ele não fosse importante no trio, o que me deixou revoltada com as outras personagens.

Essa série deve ser lida, principalmente, por quem já leu Percy Jackson e os Olimpianos, pois há muita coisa que só quem leu a série vai entender. Mas, não há problema algum se você quiser ler sem ter lido os outros livros, mas já aviso que você pode ficar boiando na maior parte do tempo.

-----------

Título: O Herói Perdido
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 440
Avaliação: Ótimo (5/5)

Novos e conhecidos personagens do Acampamento Meio-Sangue dividem espaço nesse primeiro volume da série Os heróis do Olimpo. Rick Riordan volta ao universo de Percy Jackson e os Olimpianos com ainda mais aventuras, humor e mistério.
Depois de salvar o Olimpo do maligno titã Cronos, Percy Jackson e seus amigos trabalharam duro para reconstruir seu mais querido refúgio, o Acampamento Meio-Sangue. É lá que a próxima geração de semideuses terá de se preparar para enfrentar uma nova e aterrorizante profecia.
Os campistas seguirão firmes na inevitável jornada, mas, para sobreviver, precisarão contar com a ajuda de alguns heróis, digamos, um pouco mais experientes - semideuses dos quais todos já ouvimos falar... e muito.


sexta-feira, 28 de março de 2014

Wishlist #41


Oi pessoal, tudo bom?
Finalzinho do mês, e a lista de livros desejados só cresce! Vamos conferir?

A Estrela Que Nunca Vai Se Apagar, de Esther Earl, Lori Earl e Wayne Earl
Publicado pela Editora Intrínseca


"Ela me faz lembrar que uma vida curta também pode ser uma vida boa e rica, que é possível viver com depressão sem ser consumido por ela e que o sentido da vida está na união, na família e nas amizades que transcendem e sobrevivem a todo tipo de sofrimento." As palavras são do autor John Green, que era amigo de Esther e escreveu a introdução de A estrela que nunca vai se apagar. A amizade dele com a adolescente foi tão intensa que a história dela serviu de inspiração para o aclamado A culpa é das estelas, publicado pela Intrínseca em julho de 2012. Desde nova, Esther gostava de escrever cartas e diários, e, durante o tratamento contra o câncer, mantinha uma rede de amigos on-line - alguns deles membros da comunidade chamada Nerdfighteria, criada por John Green e seu irmão, Hank, em que jovens discutem sobre livros e ideias para tornar o mundo um lugar melhor. Os irmãos famosos postam regularmente vídeos no YouTube sobre assuntos variados, mas sempre pertinentes ao universo jovem. Quando estava muito debilitada, Esther realizou o desejo de passar um fim de semana na companhia dos amigos, e, com a ajuda da instituição sem fins lucrativos Make-A-Wish, ela, John e um grupo de adolescentes viveram momentos de descontração e emoção. O encontro aconteceu em Boston, em julho de 2010. Em agosto do mesmo ano, logo após seu 16º aniversário, Esther faleceu.
Já dá vontade de chorar só de ler essa sinopse, né? ;-; 
É claaaaaaro que eu quero muito ler o livro sobre a garota que inspirou o divino John Green a escrever "A Culpa é das Estrelas".
Meu aniversário já passou, mas se alguém quiser me dar de presente, não irei me importar! :P

Corações Feridos, de Louisa Reid
Publicado pela Editora Novo Conceito


Hephzibah e Rebecca são irmãs gêmeas, mas muito diferentes. Enquanto Hephzi é linda e voluntariosa, Reb sofre da Síndrome de Treacher Collins — que deformou enormemente seu rosto — e é mais cuidadosa. Apesar de suas diferenças, as garotas são como quaisquer irmãs: implicam uma com a outra, mas se amam e se defendem. E também guardam um segredo terrível como só irmãos conseguem guardar. Um segredo que esconde o que acontece quando seu pai, um religioso fanático, tranca a porta de casa. No entanto, quando a ousada Hephzibah começa a vislumbrar a possibilidade de escapar da opressão em que vive, os segredos que rondam sua família cobram-lhe um preço alto: seu trágico fim. E só Rebecca, que esteve o tempo todo ao lado da irmã, sabe a verdadeira causa de sua morte... Hephzi sonhara escapar, mas falhara. Será que Rebecca poderia encontrar, finalmente, a liberdade?
Achei a sinopse muito interessante, e, pelas resenhas que eu li, o livro também é! O mesmo de antes: se alguém quiser me dar de presente, não irei recusar! hahaha

Recomeço, de Cat Patrick
Publicado pela Editora Intrínseca


Tudo começou com um acidente de ônibus. Daisy Appleby era pequena demais para lembrar — tem apenas flashes do acidente que a matou, e de ter sido trazida de volta à vida. A partir daquele momento, ela se tornou uma das catorze crianças que fazem parte de um programa secreto do governo que visa aprovar um novo medicamento: o Recomeço. Daisy já morreu algumas vezes, e a cada morte ela recebe um novo sobrenome, vai para uma nova cidade e ganha uma nova história. A única constante em sua vida é a própria inconstância. Ao conhecer Matt e Audrey, seus primeiros amigos de verdade, após sua quinta morte, ela tenta criar raízes em mais um lar e começa a descobrir segredos sobre o programa Recomeço. Quanto mais informações vêm à tona, mais Daisy percebe que não passa de um peão em um jogo sinistro, que pode revelar que seu mundo — e tudo no ela que acredita — é uma grande mentira.

Esse livro me deixa ansiosa antes mesmo de lê-lo! e.e Haha
Estou doida para conhecer tudo que está por trás do programa, se alguém souber de alguma promoção (ou quiser me dar de presente), me avise o quanto antes, por favor!! *-*


E vocês, que livros leram ultimamente? E quais querem ler? Tem algum para me indicar? COMENTE, quero saber tudo! ^^

Beijos,

quarta-feira, 26 de março de 2014

Pausa Pro Café-A importância da leitura na infância


Oi pessoal!

Esses dias eu estava pensando na influência que a literatura tem na vida de uma criança. Mesmo não pertencer a uma família de "leitores", desde muito pequena eu viajava ouvindo as histórias que minha mãe contava para mim. De tão empolgada que eu ficava com as fábulas e outras histórias, aprendi a ler muitíssimo cedo, e, junto com esse meu amor aos livros, veio o primeiro amor à uma saga: Harry Potter, que aliás, sou fã até hoje!

Graças a isso, com apenas 6 anos eu ganhei o livro "Harry Potter e o Cálice de Fogo" da minha tia. Claro que pra mim foi um baque, pois eu estava acostumada à livros pequenos e repletos de ilustrações, e então, do nada, estava eu ali, com um livro de mais de 550 páginas e sem figura nenhuma.
Mas, por um lado, eu estava muito orgulhosa de mim mesma por ter um livro "de gente grande" comigo! hahaha

No natal desse ano, resolvi dar boa parte dos meus livros infantis ao meu primo, que é quase um irmão para mim. Ele ficou muiiiitooooooooo feliz! Tanto que até quis tirar milhares de fotos com os livros. hahaha


Mas eu não estou aqui pra falar só de mim mesma ou de minha família, eu estou aqui para falar sobre o quão importante é incentivar uma criança à entrar no mundo da leitura!
Seja seu irmão, primo, amigo (e por que não?), vizinho, etc. etc. O importante é você incentivar e mostrar que os livros não são só aquele monte de palavras chatas que eles são obrigados a ler no colégio e deixarem num canto qualquer do quarto.

Além disso, os livros nos ensinam trocentas coisas boas, e quanto mais cedo a criança é ensinada a ter valores, melhor será como adulta.

Minha professora nos apresentou um livro muito interessante, dedicado ao público infantil, que trata da homossexualidade. 

O título do livro é "Meus Dois Pais" e foi escrito por Walcyr Carrasco (sim, aquele da novela "Amor à Vida").

O livro conta a história de Naldo, um menino que mora com a mãe pois seus pais se divorciaram. Porém, o pai de Naldo mora com um outro homem chamado Celso, que é muito bom para Naldo. Graças a uma promoção que sua mãe recebeu, Naldo foi morar com os dois. E é aí que o problema começa: os colegas de Naldo já não podem ir à casa dele, e Naldo não entende isso. Pois é, o pai de Naldo era gay.

É um livro infantil, mas nos mostra uma realidade muito semelhante à nossa. Além disso, a mensagem que o livro nos passa é importante: devemos aceitar o outro como ele é.

Claro que existem muitos (muitos mesmo) outros livros infantis que merecem ser lidos. E mesmo que você, pai ou mãe, não tenha o costume de ler, leia para o seu filho. Milhares de coisas ele pode aprender lendo! (:

Espero que tenham gostado! :*



terça-feira, 25 de março de 2014

Adaptação cinematográfica de "Cidades de Papel"


Ainda faltam dois meses para o lançamento da adaptação de "A Culpa é das Estrelas" (nos EUA), livro escrito pelo divino John Green. Pelo visto, a Fox 2000 gostou do resultado e logo vamos ter mais uma adaptação cinematográfica, dessa vez com o livro "Cidades de Papel".

Além de ser a mesma produtora, contaremos com os mesmos roteiristas (Scott Neaustadter e Michael H. Weber). Nosso protagonista também já é conhecido: Nat Wolff, o Isaac em "A Culpa é das Estrelas", atuará dessa vez como Quentin, o protagonista do livro (e agora do filme).
Nosso querido John Green será também o produtor executivo do filme! (:

Agora só nos resta aguardar as próximas novidades! :D

Nat Wolff (gatinho, né? :P)



quarta-feira, 19 de março de 2014

Arthannya-Vera Lúcia Cervi Mattei

Lúcia levava uma vida normal, porém, ainda no início da sua infância, fora adotada. Nunca se soube a sua verdadeira origem e nem quem eram seus pais, até ela conhecer Toran.

Toran era parente de um vizinho da mãe de Lúcia e acaba passando o natal junto com a família de Lúcia. Lúcia já se sente atraída por ele, mas nega esse sentimento para si mesma por um longo tempo. Pouco tempo passa e Toran parece presente em tudo na vida de Lúcia, além de saber tudo sobre ela.

Aos poucos, Lúcia vai descobrindo que seu passado não é nada comum. Toran é a principal peça para Lúcia descobrir sobre sua real origem.

Mas quem é ele? Como sabe tanto sobre ela? E aliás, o que ele tem a ver com o seu passado? Só lendo o livro que você descobrirá todos os grandes segredos contidos em Arthannya.

"Definitivamente calor, sono e cansaço são coisas que deveriam ser abolidas da humanidade."
Página 13

Antes de dar a minha opinião, gostaria muito de agradecer à queridíssima autora, a Vera Lúcia, por ter me cedido este livro maravilhoso. Muitíssimo obrigada!

Eu adorei Arthannya! Ele não tem poucas páginas, mas a leitura flui tão rápido quando você se acostuma com a história que é muito difícil parar!

Lúcia é uma mulher real, é desastrada, tem suas noias, é sensível... Adorei ela!

E Toran... Ai, ai, Toran! Impossível não dar suspiros ao ler cada página que fala dele! Ele é o homem dos sonhos, protetor e muito querido. (Sem contar a beleza, né minha gente!)

Com cenas intensas e muito mistério, Arthannya irá lhe deixar envolvido do início ao final! Vale muito a pena, sem contar que o livro é nacional!

Fica a dica pra vocês! :D

-----------

Título: Arthannya
Autora: Vera Lúcia Cervi Mattei
Editora: Dracaena
Páginas: 492
Avaliação: Ótimo (5/5)

Lúcia sentiu algo mudar quando o viu pela primeira vez, despertando em si sentimentos fortes e verdadeiros. E sempre quando encontra aqueles olhos cinza, ela sente sendo sugada a dois grandes abismos, como se ele enxergasse muito além do que é permitido, do que é aceitável. Quem é ele? E de onde veio? Toran leva uma vida cheia de compromissos e responsabilidades. Mas assim que a vê, ela passa a ser sua prioridade. Ele tem uma missão a cumprir. Ele sabe o que quer e o que veio buscar. Toran não recua. Ele avança sem pedir licença. E Lúcia? Será que deve largar tudo para embarcar nessa viagem e mergulhar de cabeça nessa imensidão de sensações? E o que é pior: estará disposta a enfrentar um bombardeio em terras desconhecidas? Sabendo que, no meio desse fogo cruzado, ela precisará se resguardar, se impor e, principalmente, sobreviver?
(Skoob)


terça-feira, 11 de março de 2014

Livro vs. Filme-P.S. Eu Te Amo


Oi pessoal!
Até que enfim estou fazendo um post para a coluna "Livro vs. Filme"!
Hoje irei falar sobre a adaptação cinematográfica do livro "P.S. Eu Te Amo", da autora Cecelia Ahern.

O livro e o filme contam a história de Holly, que perdeu seu marido Gerry por causo de um tumor no cérebro dele. No decorrer da história, Holly vai lendo cartas que foram escritas por Gerry para ajudar Holly a superar melhor a morte dele.

Embora eles deixem a história basicamente a mesma, o livro é muito superior ao filme!

Eu realmente não gostei do filme. Achei chato e com personagens chatas, totalmente o contrário do livro. No filme, Gerry é divertido como no livro, mas Holly é muito sem graça, muito mesmo!

O filme não correspondeu em nada as minhas expectativas. Na primeira vez que eu havia assistido, sem ter lido o livro, até achei legalzinho, mas depois... Me decepcionei muito!

Esse é o preço que se paga por ler o livro e depois assistir o filme, você vê defeito em tudo! Hahaha.

Nota do Livro: 5/5
Nota do Filme: 2/5
domingo, 9 de março de 2014

A Mais Ouvida da Semana-Counting Stars


Oi pessoal, como foi a semana de vocês?
Nesse final de semana não estava muito bem de saúde, mas agora estou melhor, graças a Deus!
O que acham de ouvirmos uma musiquinha?

Counting Stars-OneRepublic


Eu já havia ouvido essa música, mas não sabia o nome e não conhecia a banda. Então, sabe quando você tá com um amigo e diz: "Passa uma música legal aí!"? Então, uma amiga minha me mostrou e eu ouvia essa música TODA A HORA!

E vocês, ouviram alguma música viciante nessa semana? Têm alguma para me indicar? Comente!


sexta-feira, 7 de março de 2014

O que eu li em... Fevereiro-2014


Oi pessoal!
Eu nem ia postar essa coluna esse mês pois eu li só UM livro, que desgosto! Mas como eu disse que eu iria tentar postá-la todo mês, aqui estou. Com vergonha, mas estou aqui!

Bom, Segredos e Mentiras foi o livro que eu li este mês. Por sorte, é uma ótima leitura!
A história gira em torno do suicídio de Noelle e de suas amigas estarem procurando resposta para tamanha decisão.
É um livro de suspense ótimo, que aliás, dei nota máxima à ele!
Saiba mais lendo a resenha AQUI.

Skoob|Orelha de Livro



Desculpem pela falta de conteúdo desse post! Espero que tenham gostado mesmo assim! haha

Beijos,


terça-feira, 4 de março de 2014

Mago: Mestre-Raymond E. Feist

Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série. Para ler a resenha de "Mago: Aprendiz" clique AQUI.

A saga do Mago continua... Pug, o antigo aprendiz do mestre Kulgan agora é escravo dos tsurani e vive no mundo deles; Tomas, amigo e irmão adotivo de Pug está em Elvandar, cada vez menos humano; Arutha está protegendo Crydee contra os ataques enquanto seu pai está fora.
Os tsurani ainda estão atacando Midkemia, mas essa guerra tem que acabar.

Fazem quatro anos que Pug está sendo escravizado em Kelewan, a terra natal dos tsurani. Pug já sabe muito sobre a cultura Tsurani, mas não tem como passar todas essas informações à seus companheiros midkemianos (espero que seja assim que eles se chamem! haha). Pug mal sabe que está prestes a se tornar um dos magos mais poderosos já vistos, pois conseguirá somar os conhecimentos tsurani com os ensinamentos que foram passados por Kulgan.

Tomas faz uso diário da armadura que ganhou de um dragão, quando estava nas minas. O problema é que essa armadura tem um poder que ameaça todos os elfos, pois ela pode significar a destruição ou a salvação de seu povo. Dentro de Tomas, há uma luta acirrada entre seu lado humano e o que "habita" na armadura. Seus pesadelos tornam-se frequentes, fazendo suas atitudes mudarem e serem mais agressivas, o que deixa Aglaranna - a rainha dos elfos - preocupada.

Arutha precisa de reforços, pois Crydee já não tem tantas chances contra os tsurani. Por isso, vai a Krondor junto com Martin do Arco e outros. Porém, Krondor não está passando por tempos muito fáceis, o que não será nada bom para Arutha.

Repleto de cenários mágicos, criaturas fantásticas e batalhas de tirar o fôlego, Mago-Mestre nos mostrou que consegue superar Mago: Aprendiz em vários sentidos!

"Às vezes, não é possível saber do que um homem é capaz até chegar o momento de agir."
Página 405

Se vocês leram a minha resenha de "Mago: Aprendiz" devem saber que eu amei o livro! Mago: Mestre superou todas as minhas expectativas pois eu o achei melhor ainda que Mago: Aprendiz!

Nesse livro dá para ver claramente o amadurecimento das personagens que conhecemos novinhos e que agora já são homens feitos. Pug foi o que mais achei essa mudança declarada, pois quando lemos o primeiro livro, vemos ele como um garoto. Já no segundo, notamos como ele cresceu.

Meu amor pelo Príncipe Arutha ultrapassou todos os limites, pois nesse livro eu simplesmente me casei com ele. Ele e Martin do Arco ganharam meu coração, deixando o pobre Pug para trás! (Pug, eu ainda te amo!)

Se você gostou de Senhor dos Anéis, Harry Potter, ou simplesmente gosta de histórias épicas, lhes indico a Saga do Mago!

Meu gato Mumu me acompanhou na leitura! :D

......

Título: Mago: Mestre
Autor: Raymond E. Feist
Editora: Saída de Emergência
Páginas: 432
Avaliação: Ótimo (5/5)

"A saga épica de Midkemia continua… Passaram-se três anos desde o terrível cerco a Crydee. Os três rapazes que eram os melhores amigos do mundo encontram-se agora a quilômetros de distância. Pug, um escravo dos Tsurani, está prestes a se tornar um dos maiores magos que já existiram. Tomas, um grande guerreiro entre os elfos, arrisca-se a perder sua humanidade para a armadura encantada que veste. Arutha, príncipe de Crydee, luta desesperadamente contra invasores e traidores para salvar seu reino. Mago Mestre é recheado de aventura, emoção e ameaças tão antigas quanto o próprio tempo. Com o segundo volume de A Saga do Mago, Raymond E. Feist volta a provar que é um dos maiores nomes da literatura fantástica na atualidade. "

(Skoob)



domingo, 2 de março de 2014

A Mais Ouvida da Semana-Radioactive


Oi pessoal!
Como está sendo o carnaval de vocês?
Eu não sou muito fã do evento, e se você, como eu, quer ouvir algo diferente das marchinhas, aqui vai uma indicação de música:

Radioactive-Imagine Dragons


Achei essa música APENAS viciante! Achei o clipe meio doidinho e sem noção, mas não é o pior que eu já vi. E sim pessoas, aquela diva ali é a Alex Daddario! *-*

Mais vídeos legais...

Muitas vezes, quando conheço uma música nova, vou ver também covers, tributos, fan mades e coisas do gênero que usam a música. Vou colocar vídeos assim sempre que eu achar algum legal que valha a pena ser compartilhado!
Agora, confiram outros vídeos que têm como foco a música "Radioactive".


Achei essa versão legal e diferente. A Lindsey é diva ao extremo e esse cover ficou mágico! Eu adorei!


Alguém aí gosta de American Horror Story? \o/
Achei esse vídeo quando fui procurar as músicas da trilha sonora da série. Achei um fan made muito bem feito e criativo! Além disso, sou apaixonada pelo casal "Violate" (Violet + Tate).

Espero que tenham gostado! :D
Gosta de alguma música e quer nos recomendar? Deixe seu comentário abaixo!! c:



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Arquivo

Rafa está lendo

Siga-nos