sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Wishlist #47


Oi pessoal, tudo bom?
Fiquei devendo a Wishlist do mês passado, mas me perdoem!
Hoje é um dos dias mais esperados do ano, pois hoje é dia de BLACK FRIDAY!!! Embora muitas lojas usem esse dia de superdescontos para enganar o consumidor, muitas realmente fazem descontos maravilhosos e tentadores, fazendo-nos ficar horas e horas na fila de espera de um site que está com os servidores lotados (experiência própria). Se você ainda não aproveitou, vou dar dicas de 3 livros que eu quero muito, e aposto que vocês também vão gostar e ver se ele não está com um bom desconto por aí.
Vamos conferir?

"A Menina que Tinha Dons", de M. R. Carey
Publicado pela Editora Rocco


Cultuado autor de quadrinhos e roteiros da Marvel e da DC Comics, entre eles algumas das mais elogiadas histórias de X-Men e O Quarteto Fantástico, o britânico M. R. Carey apresenta uma trama original e emocionante em sua estreia como romancista com A menina que tinha dons, lançamento do selo Fábrica231. Aclamado pela crítica, o livro se tornou um bestseller imediato na Grã-Bretanha e nos Estados Unidos ao contar a história de Melanie, uma menina superdotada que faz parte de um grupo de crianças portadoras de um vírus que se espalhou pela Terra e que são a única esperança de reverter os efeitos dessa terrível praga sobre a humanidade. Uma comovente história sobre amor, perda e companheirismo encenada num futuro distópico.

 Distopias estão em alta, e isso ninguém pode negar, mas muitas eu vejo que andam meio semelhantes entre si. Acho que este livro é diferente, por se tratar de um dom que não conhecemos e que eu estou doida para saber o que é! *-*

"Apenas Um Dia", de Gayle Forman
Publicado pela Editora Novo Conceito


A vida de Allyson Healey é exatamente igual a sua mala de viagem: organizada, planejada, sistematizada. Então, no último dia do seu curso de extensão na Europa, depois de três semanas de dedicação integral, ela conhece Willem. De espírito livre, o ator sem destino certo é tudo o que Allyson não é. Willem a convida para adiar seus próximos compromissos e ir com ele para Paris. E Allyson aceita. Essa decisão inesperada a impulsiona para um dia de riscos, de romance, de liberdade, de intimidade: 24 horas que irão transformar a sua vida. Apenas um Dia fala de amor, mágoa, viagem, identidade e sobre os acidentes provocados pelo destino, mostrando que, às vezes, para nos encontrarmos, precisamos nos perder primeiro... Muito do que procuramos está bem mais perto do que pensamos.

Eu ainda não li "Se Eu Ficar", aliás, ele é minha próxima leitura. Minha mãe leu e gostou muito, e, embora este livro seja diferente do livro mais famoso da autora, gostei da proposta dele, parece legal.

"Maze Runner-Correr ou Morrer", de James Dashner
Publicado pela Editora Vergara & Riba (V&R)


Ao acordar dentro de um escuro elevador em movimento, a única coisa que Thomas consegue lembrar é de seu nome. Sua memória está completamente apagada. Mas ele não está sozinho. Quando a caixa metálica chega a seu destino e as portas se abrem, Thomas se vê rodeado por garotos que o acolhem e o apresentam à Clareira, um espaço aberto cercado por muros gigantescos. Assim como Thomas, nenhum deles sabe como foi parar ali, nem por quê. Sabem apenas que todas as manhãs as portas de pedra do Labirinto que os cerca se abrem, e, à noite, se fecham. E que a cada trinta dias um novo garoto é entregue pelo elevador. Porém, um fato altera de forma radical a rotina do lugar - chega uma garota, a primeira enviada à Clareira. E mais surpreendente ainda é a mensagem que ela traz consigo. Thomas será mais importante do que imagina, mas para isso terá de descobrir os sombrios segredos guardados em sua mente e correr, correr muito. 

Maze Runner ficou muito comentado por conta da sua adaptação cinematográfica, que eu quero muito assistir, mas antes, obviamente, eu preciso ler o livro.


sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Resultado da promoção de aniversário


Olá pessoal, tudo bom?
Em setembro o blog fez três anos de existência, e por isso decidimos presentear dois dos nossos leitores com um exemplar do livro "Uma Carta de Amor", do autor Nicholas Sparks.
Vamos ver quem foram os (as) sortudos (as)?



PARABÉNS SILVANA E RIANNE!

Enviei à vocês um e-mail solicitando seus dados. Vocês tem um prazo de 72 horas (3 dias) para respondê-lo, caso contrário, um novo sorteio será feito sem avisos prévios.


E se você não ganhou ou perdeu esta promoção, não fique triste, logo logo colocaremos mais promoções no ar! \o/
quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Um Gato de Rua Chamado Bob-James Bowen

Há pouco tempo, James Bowen tinha uma vida complicada: vivia nas ruas e era viciado em heroína. Atualmente, está tentando largar o vício e mora em um pequeno apartamento em Londres. Então, certa noite, James encontra um gato laranja machucado na entrada do seu prédio.

Aos poucos, James vai se apegando ao gato, consciente que uma hora ou outra o gato pode simplesmente ir embora. Mas isso não acontece, e quando James percebe isso, ele já o dá um nome: Bob.

James trabalha tocando na rua, e, certo dia, James leva Bob consigo e percebe o grande aumento de público que um gato laranja pode causar. Seu lucro aumenta gradativamente, mas James tem consciência de que não pode obrigar Bob à ir sempre aos shows, e, quando Bob prefere ficar em casa, ele respeita essa decisão.

O livro vai mostrando como é a vida de James com Bob, a luta dele contra as drogas, a reconciliação com a família, a vida de um músico de rua... É um livro muito interessante e gostosíssimo de ler! Leia e se apaixone por Bob e sua história!

"Talvez ele tivesse visto em mim uma alma semelhante."
Página 23

Não é novidade para ninguém que eu amo gatos, já até falei dos meus aqui no blog. Comprei este livro há quase um ano, mas ia passando outros na frente dele, e me arrependi. É uma leitura leve e super divertida, e o melhor: é uma história real!

A diagramação do livro também é muito fofinha, pois a numeração de páginas é dentro de uma patinha. A capa também é muito meiga, com um gatinho brincando com o logo da editora.

Quem gostou de "Marley & Eu", ou simplesmente gosta de gatos, vai adorar este livro, pois mostra como um animal pode mudar a vida de uma pessoa. Eu sou filha de uma veterinária, então sempre convivi com bichos, mas à cada dia eu me surpreendo mais em como eles podem demonstrar amor mais sinceramente que muitos humanos por aí.

"Pela primeira vez em anos, senti como se pudesse ver uma mínima luz no fim de um túnel muito escuro."
Página 164

------------

Título: Um Gato de Rua Chamado Bob
Autor: James Bowen
Editora: Novo Conceito
Páginas: 240
Avaliação: Ótimo (5/5)
"Quando James Bowen encontrou um gato ferido, enrolado no corredor de seu alojamento, ele não tinha ideia do quanto sua vida estava prestes a mudar. Bowen vivia nas ruas de Londres, lutando contra a dependência química de heroína, e a última coisa de que ele precisava era de um animal de estimação. No entanto, ele ajudou aquele inteligente gato de rua, a quem batizou de Bob (porque tinha acabado de assistir a Twin Peaks).
Depois de cuidar do gatinho e trazer-lhe a saúde de volta, James Bowen mandou-o embora imaginando que nunca mais o veria. Mas Bob tinha outras ideias. Logo os dois tornaram-se inseparáveis, e suas aventuras divertidas — e, algumas vezes, perigosas — iriam transformar suas vidas e curar, lentamente, as cicatrizes que cada um dos dois trazia de seus passados conturbados."
(Skoob)


sábado, 15 de novembro de 2014

Nova interface do Skoob

Olááá pessoal!! Tudo bom?

Creio que a maioria de vocês conhece o Skoob, uma das redes sociais mais legais para quem gosta de ler. Eu participo desde 2011 e adoro! Pois então, ele está de cara nova e eu amei as mudanças! Vou mostrar aqui algumas que eu encontrei. (:

1) Página Inicial

A página inicial do Skoob não teve mudanças muito drásticas, porém, tinham alguns livros em uma coluna no canto direito que nos mostravam os livros mais lidos, mais desejados, etc.

Uma coisa que eu achei legal nesse novo modelo é como eles deixaram a parte dos lançamentos, pois, além da capa do livro, junto dela tem também o logo da editora que o publicou. Achei a ideia genial!


Outra coisa que achei legal foi a seção "Mais procurados de hoje", que mostra os livros mais populares do dia.




Além disso, tem uma seção também com as melhores editoras. Porém não sei se foi à escolha dos usuários ou dos criadores do Skoob.




Ao clicarmos em "Explorar", ao lado da barra de pesquisa, encontramos mais opções de filtros para pequisa. Muito útil!




No canto superior direito há uma área que lembra o próprio Facebook, com um atalho para mensagens, solicitações de amizade, notificações e perfil, respectivamente.




Ao clicarmos na nossa fotinho de perfil, abre uma lista com submenus.




Algumas coisas ainda permaneceram, como a widget do Facebook, a seção de destaques, as cortesias e outros, que continuam sem muitas mudanças.


2) Meu perfil

Quando abrimos nosso perfil, já podemos ver grandes mudanças, que deixaram o Skoob mais moderno e bonito. Como podemos ver, foram deixadas de lado as cores que separavam os livros no nosso perfil. (Lidos: verde; Lendo: Amarelo; Quero ler: Azul; Relendo: Laranja; Abandonei: Preto; e Resenhas: cinza.).

















Os amigos, seguidores, seguidos, autores, editoras, grupos e sugestões ficaram no cantinho esquerdo,
aparecendo apenas dois de cada item, para deixar de forma mais simples e compacta, eu gostei muito!




As metas de leitura, que apareciam logo abaixo da frase do mural, agora ficam no lado direito, logo acima dos aniversariantes.



Uma coisa que me chamou bastante a atenção foi de terem feito uma espécie de feed de notícias, com as atividades mais recente de amigos, editoras, grupos e outros. Além disso, tem uma espécie de botão "curtir", que fica logo abaixo da atividade (Circulado por mim em vermelho. Obrigada Paint! \o/).




3) Minha Estante

As cores não nos abandonaram de vez, pois elas ainda se encontram na nossa estante, que não teve mudanças significativas (que eu tenha notado). Mas o visual está bem mais bonito!




4) O Livro

Como falar do Skoob sem falarmos do essencial? Os livros são a essência do Skoob, e sem eles a rede social não faria sentido. Quem não adora terminar aquele livro bom e ter a satisfação de avaliá-lo e marcá-lo como lido?
A página do livro em si não teve muitas mudanças, apenas algumas trocas de lugares, pois o posicionamento mudou um pouco, mas nada exagerado ou que seja difícil de mexer.




Uma coisa que eu achei legal é que logo na página do livro já aparece os dados extras sobre o livro, como editora, ano de publicação, número de páginas... coisa que antes era preciso de uma ginástica maior para encontrarmos. Logo abaixo estão as opções para adicionar o livro à sua estante, entre outros.



---


Bom pessoal, como vocês viram, eu adorei o novo visual do Skoob e não dispensei elogios à ele. Achei um trabalho muito bonito e bem feito! E vocês, o que acharam?
Se você tem Skoob, aproveite e me envie um convite de amizade: www.skoob.com.br/perfil/rafa.mello

Beijos!!


quarta-feira, 5 de novembro de 2014

TAG: Situações Literárias


Oi pessoal, tudo bom? Eu estou me sentindo tão culpada em não ter organizado meu tempo melhor que este ano eu não estou postando muito aqui, semana passada por exemplo não teve nenhuma postagem. Me desculpem, mesmo! Já estou planejando ideias para se concretizarem para o ano que vem, então, um pouco de paciência, por favor.

Hoje vim responder uma tag que eu vi no blog da Aline (Livros y Viagens) e achei muito legal! A tag original é do canal da Xanetia Anassan e quem traduziu foi a própria Aline. Vamos conferir?

1 - Você precisa se desfazer de quase todos os seus livros e só pode ficar com um exemplar de cada um desses gêneros: contemporâneo, fantasia, não-ficção e um gênero de sua escolha.


Contemporâneo:

Escolhi para o gênero contemporâneo o livro "Quem é você, Alasca", porque, embora ele não seja o meu livro contemporâneo favorito (e está até bem longe de ser), ele é um livro muito divertido e engraçado, que eu leria e releria constantemente. Acho que se um dia eu tivesse que me desfazer de todos os meus livros, eu escolheria este, pois pelo menos me faria rir, mesmo com a tristeza me corroendo pelo fato de estar sem livros.
Leia minha resenha: http://www.eumaislivros.com.br/2014/10/quem-e-voce-alasca-john-green.html

Fantasia:

Não me vejo escolhendo outro livro de fantasia que não seja "Harry Potter e o Cálice de Fogo". Não é novidade para ninguém que eu sou muito fã da série até hoje e que levarei para o resto da vida as histórias do bruxinho mais famoso do mundo comigo. Mas, embora eu ame todos os livros, este em questão é o meu favorito de todos. Já falei aqui várias vezes os meus 1001 motivos por amá-lo tanto! <3



Não-Ficção:

Escolhi o livro "Big Bang: A Teoria-Guia Não Autorizado da Série" por motivos de: não sabia o que colocar aqui. Este é um livro que eu comecei há muito tempo e ainda não terminei. Eu amo a série, mas este "guia" não me agradou muito e tem algumas coisas bem bestas, tipo "Explorando seu nerd interior", que é uma sessão cheia de "dicas" para você se tornar um nerd como os da série, tipo: "WTF?"
Ser nerd é um estilo de vida, ninguém só por se vestir ou agir como tal vai ser só porque é "moda". Sei lá, isso foi um ponto negativo, mas vou ver se termino ele qualquer dia desses para falar para vocês.

Distopia:

Escolhi o gênero "distopia" para um gênero à minha escolha e meu livro é "Jogos Vorazes". É um livro maravilhoso, de uma trilogia maravilhosa e seria uma ótima companhia para uma pessoa que só pode ter quatro livros. ;-;
Claro, se você não leu os outros livros da série seria no mínimo agoniante ler o primeiro e não poder ler os outros, mas se você já leu, seria legal ficar relendo.
Confira minha resenha: http://www.eumaislivros.com.br/2012/11/jogos-vorazes-suzanne-collins.html



2 - Você está em uma livraria e escuta uma adolescente dizer a sua mãe que não gosta de ler, mas a mãe insiste para que ela escolha algo. Você aparece e recomenda algo para quem não lê muito. Que livro você recomendaria?


Recomendaria na hora "O Diário de Uma Garota Nada Popular". Esse livro é engraçadíssimo e muito legal, dependendo da idade da menina e da maturidade dela. A protagonista tem 14 anos (minha idade) mas eu li o livro quando eu tinha 12, porém, mesmo eu já tendo uma maturidade um pouco "mais à frente", eu acho o livro muito legal. (Não que eu vá esperar muito da maturidade de uma adolescente que não gosta de ler. Hahaha)






3 - Você não está bem e está tendo um mal dia e precisa de algo que te anime. O que você lê nesses casos?

Bom, eu não tenho o costume de reler livros, então vou ter que deixar essa resposta em branco, já que eu provavelmente leria o livro que eu estiver lendo no momento. :/ (Eu sei que é trapaça, desculpem!)

4 - Volte a sua adolescência por um dia. Que livro você está lendo?


Eu ainda estou na adolescência, então resolvi voltar à minha infância e é claaaro que eu visualizei uma menininha dentuça, de cabelos cacheados com o nariz enfiado em um gibi da minha amada Turma da Mônica. Não tenho nem dúvidas! Sempre que eu tenho oportunidade eu pego um gibi para dar uma folheada, infelizmente não os tenho comprado mais.






5 - Um amigo te surpreende com quatro dias de férias e você tem uma hora pra preparar as malas. Que livro você levaria para a viagem?


Na verdade, eu provavelmente levaria o livro que eu estivesse lendo no momento, porém, não quero quebrar as regras novamente, por isso escolhi "A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista". Esse livro é leve e super gostoso de ler! Seria uma ótima companhia para umas férias repentinas. (Hey, amigos, querem ser este amigo que me surpreendem com quatro dias de férias? :P)







6 - Roubaram sua casa! Mas, não se preocupe porque tudo está bem. Exceto a sua estante, que eles deixaram praticamente vazia. Que livro você espera encontrar intacto na estante enquanto corre para conferir o que está faltando?

Deus me livre! Primeiro, quem roubaria livros? (Liesel Meminger, eu sei! :P) Segundo, por que os MEUS livros? Hahaha, melhor nem brincar com isso! Claro que o meu precioso "O Cálice de Fogo" deveria estar intacto, senão cabeças iriam rolar! u.u








7 - Um amigo te pede emprestado um livro e devolve em péssimas condições. 1 - Não se importa muito com o ocorrido. 2 - Pede que ele te compre outro exemplar. 3 - Destrói um dos livros do seu amigo secretamente.

Nenhuma das opções. Na verdade vou incorporar o Rambo e bater nele até que ele peça piedade! (Só que não!) :P
Provavelmente vou "meter a boca" nele e xingar bastante, e depois suspirarei com ar de desgosto e darei meu melhor olhar estilo serial-killer. :P

Então é isso pessoal, vou indicar meus amigos: Caíque (Entre Páginas de Livros), Lane (Amo Livros e Filmes), Fernanda e Isadora (Novo Romance) e Ana (The Queen's Castle). :D Se você não foi indicado, sinta-se à vontade para responder esta tag. Não se esqueça de deixar o link do seu blog ou canal para eu conferir suas respostas por lá! \o/


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Rafa está lendo

Siga-nos