sábado, 24 de outubro de 2015

Por Lugares Incríveis-Jennifer Niven

Theodore Finch sempre foi o esquisitão do colégio. Sempre se metia em confusões, era perseguido pelos valentões do colégio, sofria com um pai violento e sua família não se importa muito com o que ele faz ou deixa de fazer. Somando tudo isso, Finch lida com a depressão e com o constante desejo de morrer.

Violet Markey sempre foi o oposto disso: era popular, bem aceita por todos, tinha um futuro planejado e até namorava com um dos rapazes cobiçados do colégio. Tudo isso foi por água abaixo quando sua irmã, Eleanor, sofreu um acidente de carro e morreu. A partir disso, Violet começou a contar os dias para o ano letivo acabar e se afastou de todos.

Em uma das tentativas de suicídio de Finch, onde ele tenta pular da torre da torre do colégio, ele encontra Violet, que também está prestes a pular. Acaba, então, que Finch acaba salvando a vida de Violet, embora o que eles contem aos outros é o contrário disso.

Após formarem uma dupla para um trabalho de Geografia, eles começam a conhecer lugares de Indiana juntos e veem que, um com o outro, eles podem ser eles mesmos.

"Pego a mão dela e juntos saltamos no ar. E neste instante não tenho medo de nada a não ser de soltar sua mão."
Página 191

Eu adoro YA, e isso não é segredo para ninguém. Por Lugares Incríveis é mais um dos livros desse estilo que eu li, e cara, ele é muito legal! Sério, já vou adiantando: o livro é ótimo, talvez uma das melhores leituras do ano.

A depressão, um problema cada vez mais frequente, é tratado de uma forma muito legal e real no livro.  Todos os problemas das personagens são muito bem escritos, como também suas características.

Provavelmente você previu que um romance entre os protagonistas vai ocorrer, e ele foi tão bem feito como o resto do livro. Sem melosidades demais e nem muito mimimi, o romance ficou muito realista e nos faz querer estar no lugar deles.

Finch e Violet são sensacionais! Me identifiquei com Violet em alguns pontos, mas foi Finch quem roubou meu coração. Sabe aquele personagem que você tem o desejo de ser amigo? Então, esse é o caso de Theodore Finch. .

Concluindo: O livro é ótimo! Quem gosta desse estilo literário tenho certeza que vai adorar, e creio que até mesmo quem não curte muito pode gostar. :D

"Ela é oxigênio, carbono, hidrogênio, nitrogênio, cálcio e fósforo. Os mesmos elementos que estão dentro de todos nós, mas não consigo parar de pensar que ela é mais que isso e que tem outros elementos dos quais ninguém nunca ouviu falar, que a tornam diferente de todas as outras pessoas."
Página 199

------------

Título: Por Lugares Incríveis
Autora: Jennifer Niven
Editora: Seguinte
Nº de Páginas: 336
Avaliação: Ótimo (5/5)

"Dois jovens prestes a escolher a morte despertam um no outro a vontade de viver.
Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, Violet se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família.
Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los."
(Skoob)



domingo, 11 de outubro de 2015

A Mais Ouvida da Semana-Nostalgia

Olá pessoal, tudo bom?
Espero que vocês estejam aproveitando bem esse feriado prolongado. Eu estou basicamente dividindo meu tempo entre ler, assistir séries e desmaiar na cama. Ahuahauha
Sem mais delongas, bora curtir uma musiquenha?
No final do post tem uma novidade. :D

Nostalgia-Vivendo do Ócio


Não foi exatamente a música mais ouvida da semana, mas eu adoro trazer coisas diferentes para vocês. Conheci a banda Vivendo do Ócio há alguns meses e achei muito legal. Não é novidade para ninguém que eu adoro música indie e acho uma pena que o indie brasileiro seja pouco divulgado.

NOVIDADE...

Criamos uma playslist no Spotify com a maioria das músicas que já apareceram aqui no "A Mais Ouvida da Semana" (algumas não estão disponíveis por lá). CLIQUE AQUI PARA CONFERIR NOSSA PLAYLIST.



segunda-feira, 5 de outubro de 2015

A Teoria de Tudo-Jane Hawking

Quem nunca ouviu falar de Stephen Hawking? Este físico é mundialmente conhecido e, infelizmente, é vítima da Esclerose Lateral Amiotrófica desde os 21 anos, que desde o seu diagnóstico, lhe deram apenas 2 anos de vida, e, hoje em dia, está com 73 anos.

Mais ou menos na época em que sua doença estava sendo descoberta, ele conheceu Jane, uma estudante de Literatura Espanhola e a narradora (e autora) deste livro.

Então, basicamente, este livro é uma biografia sobre o relacionamento, dificuldades e vitórias que Stephen e Jane passaram nos 25 anos em que estiveram casados, tudo narrado por Jane. Inclusive, o filme baseado neste livro, foi indicado este ano para o Oscar como melhor filme, mas, infelizmente, não ganhou.

"Quando se luta contra o destino, apenas os grandes temas - a vida, a sobrevivência e a morte - são de real importância."
Página 58

Quando eu tinha em torno dos meus 12 anos, lembro de ter visto algo sobre Stephen Hawking em uma página de física no Facebook, época em que achava que física era só o que passava em The Big Bang Theory. Ahuahau
Lembro de ter entrado na página dele do Wikipedia e ter achado a história dele incrível, e desde então ele virou uma das muitas pessoas que eu admiro.

Quando fiquei sabendo sobre o filme "A Teoria de Tudo", fiquei eufórica, sentimento que dobrou quando descobri que era baseado em um livro. Então, de aniversário, ganhei do Edu, um lindo exemplar do livro, que só 6 meses depois consegui ler. 

A narrativa do livro é bastante arrastada e com excesso de detalhes, muitas vezes desnecessários. Isso fez eu demorar muito para eu concluir o livro, que não é muito pequeno. 

No início, eu amava Jane e no final eu queria tocar fogo nela. Muitas vezes ela era irritante e já dava para ver que estava cansada do marido, implicando com coisas que sempre foram "problemas" na relação.

Enfim, vale a pena por conhecermos melhor a história dos dois, mas confesso que esperava muito mais do livro. :/

"Eu o amava por sua coragem, sua inteligência, seu senso de ridículo e absurdo, e aquele seu terrível carisma que lhe permitia - e ainda permite - enrolar a maioria das pessoas, inclusive a mim, em volta de seu dedo mindinho."
Página 219

-----------

Título: A Teoria de Tudo
Autora: Jane Hawking
Editora: Única
Nº de Páginas: 448
Avaliação: Bom (3/5)

"A história de Stephen Hawking é contada pela luz da genialidade e do amor que não vê obstáculos. Quando Jane conhece Stephen, percebe que está entrando para uma família que é pelo menos diferente. Com grande sede de conhecimento, os Hawking possuíam o hábito de levar material de leitura para o jantar, ir a óperas e concertos e estimular o brilhantismo em seus filhos entre eles aquele que seria conhecido como um dos maiores gênios da humanidade, Stephen.
Descubra a história por trás de Stephen Hawking, cientista e autor de sucessos como Uma breve história do tempo, que já vendeu mais de 25 milhões de exemplares. Diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica aos 21 anos, enquanto conhecia a jovem tímida Jane, Hawking superou todas as expectativas dos médicos sobre suas chances de sobrevivência a partir da perseverança de sua mulher. Mesmo ao descobrir que a condição de Stephen apenas pioraria, Jane seguiu firme na decisão de compartilhar a vida com aquele que havia lhe encantado. Ao contar uma trajetória de 25 anos de casamento e três filhos, ela mostra uma história universal e tocante, narrada sob um ponto de vista único.
Stephen Hawking chega o mais próximo que alguém já conseguiu de explicar o sentido da vida, enquanto Jane nos mostra que já o conhecia desde sempre: ele está na nossa capacidade de amar e de superar limites em nome daqueles que escolhemos para compartilhar a vida. O livro que inspirou o emocionante filme A Teoria de Tudo."



sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Wishlist #54

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje trouxe mais três livros que pretendo adquirir para minha coleção. Vamos ver quais são?!

"Como Viver Eternamente", de Sally Nicholls
Publicado pela Editora Geração



"Meu nome é Sam. Tenho onze anos. Coleciono histórias e fatos fantásticos. Quando você estiver lendo isso, provavelmente já estarei morto. Sam ama fatos. Ele é curioso sobre óvnis, filmes de terror, fantasmas, ciências e como é beijar uma garota. Como ele tem leucemia, ele quer saber fatos sobre a morte. Sam precisa de respostas das perguntas que ninguém quer responder. ”Como Viver Eternamente”, é o primeiro romance de uma extraordinária e talentosa jovem autora. Engraçado e honesto, este é um livro poderoso e comovente, que você não pode deixar de ler. A autora tem apenas 23 anos e embora seja seu primeiro livro, ele está sendo lançado em 19 países, dirigido a crianças, adolescentes e adultos."

Não é novidade para ninguém que eu adoro livros que envolvem doenças, problemas ou coisas do gênero. Esse é mais um dos livros que quero muito ter em minha estante, pois é um estilo literário que nunca vou me cansar de ler.

"Alif, O Invisível", de G. Willow Wilson
Publicado pela Editora Rocco


"Autora de graphic novels aclamadas e criadora da primeira heroína muçulmana dos quadrinhos, pela Marvel Comics, além do livro de memórias A leitora do Alcorão, a norte-americana convertida ao islamismo G. Willow Wilson dá vida a um jovem hacker vivendo num estado de exceção no Oriente Médio em seu premiado romance de estreia, Alif, o invisível. Primeiro lançamento de 2015 do selo Fantástica Rocco, o livro conquistou o World Fantasy Award e rendeu à autora comparações com escritores como Philip Pullman, Neil Gaiman e J.K. Rowling. Na trama, teologia islâmica, vigilância eletrônica e os acontecimentos da Primavera Árabe se mesclam para tecer uma rica narrativa, na qual o cotidiano colide com o fantástico e o mundo físico com o digital."

Leio poucos graphic novels, quadrinhos e afins, mas não quer dizer que eu não goste. A estória de "Alif, o Invisível" parece muiiiiito legal! Estou muito a fim de ler!

"Vamos Cozinhar?", de Ensley F. Guffey e K. Dale Koontz
Publicado pela Editora LeYa


"Eu não estou em perigo... Eu sou o perigo. Com essas palavras, Walter White solidificou-se como o maior anti-herói da TV. Vamos Cozinhar? O guia completo e não autorizado da série Breaking Bad explora o programa de televisão mais aclamado pela crítica, recorde em índices de audiência e ganhador de vários prêmios Emmy.
O livro mostra como cada episódio construiu este marco na televisão por meio dos detalhes de roteiro; direção; fotografia; edição; trilha sonora; curiosidades sobre a série, seus personagens, atores e substâncias químicas; e da grande narrativa sobre família, moral e drogas. Este guia é o companheiro ideal para quem vai reembarcar no seriado ou acaba de descobri-lo. Imprescindível para a coleção de qualquer fã!"

Se vocês leram o meu post falando sobre Breaking Bad, deve saber que é minha série favorita da vida! Já tive uma grande decepção com um guia não-autorizado de uma série, mas estou com a esperança de que esse seja diferente! *cruzando os dedos*

Espero que tenham gostado! :*



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Rafa está lendo

Siga-nos