segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Capuleto-Bella Borges

Julieta é uma linda e formosa bailarina de um circo famoso. Todos os homens a desejam e todas as mulheres querem ser como ela. Seu pai, o dono do circo, deseja que ela case com Antônio, um homem que ela não gosta nem um pouco.

Então, um dia, ela conhece William, um fotógrafo desengonçado que se apaixona instantaneamente por Julieta, e, felizmente, o sentimento é recíproco.

Porém, esse relacionamento é proibido, e William e Julieta terão de ir contra coisas muito maiores que apenas um pai que não quer que a filha se case com um fotógrafo.

"-Agora eu sei por que choramos ao nascer."
- Por que, Will?
- Porque chegamos a este imenso cenário de dementes."
Página 146

 Antes de falar sobre o que eu achei do livro, gostaria de agradecer à queridíssima autora Bella Borges que me mandou o livro como presente! Muuuito obrigada!

Li Capuleto rapidamente, já que é um livro curto, rápido e de fácil compreensão. A diagramação do livro é bem bonita, e, nesse quesito, o único defeito que eu encontrei foi o fato de terem alguns errinhos de gramática de vez em quando.

A estória é bastante previsível e, por ser clara a inspiração em Romeu e Julieta, também é bastante clichê. O final foi o grande forte do livro, já que tem uma coisinha em particular que eu não esperava que acontecesse.

Também devemos contar o fato de que este é o romance de estreia da autora, e tenho certeza que muitas outras coisas boas virão pela frente.

"Lamentar uma dor passada, no presente, é criar outra dor e sofrer novamente."
Página 169

------------

Título: Capuleto
Autora: Bella Borges
Editora: Kazuá
Nº de Páginas: 176
Avaliação: Regular (2/5)

"O despertar de um amor, um olhar, uma fagulha. Quem nunca viveu um amor impossível? Quem nunca quis superar as barreiras do tempo, do espaço das conveniências e obrigações?
Nessa história William se apaixona por uma estrela distante, Julieta, que se torna a única estrela de seu céu. Esse amor o completa, mas o divide. Diversas situações afastam o casal: A guerra, os interesses familiares, as obrigações... Mas o amor resiste. Cada um partiu com um pedacinho do outro, e assim tentam cuidar de si e da lembrança dos breves momentos que compartilharam.
A história de Julieta e William retrata o desejo de lutar, essa avalanche de sentimentos que chegam com o amor. Especialmente um amor tão puro como esse. Um amor do qual temos saudade."



2 comentários :

  1. Eu li e adorei o livro, pode haver alguns erros gramaticais mas não devemos levar isso em consideração já que eles não influem no conteúdo do livro. Acho que sua a avaliação ficou rigorosa demais, pois de acordo com sua análise o você considera "errado" não faz o livro cair a avaliação tanto assim. Acredito que este livro mereça mais estrelas! Obrigado pela atenção :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas, tudo bom?

      Acho que você me interpretou mau, pois meu comentário sobre os erros gramaticais foi apenas para complementar a resenha, mas realmente não influiu em nada na minha avaliação. Meu foco na hora de avaliar é exclusivamente no enredo do livro, ignorando totalmente sua diagramação. Se eu dei a nota "regular", foi apenas minha avaliação pessoal da estória.

      Espero que tenha compreendido,
      Obrigada por comentar! (:

      Excluir

Nós adoramos comentários e saber o que vocês acharam das postagens, mas tem algumas regras:
-O espaço dos comentários é para os leitores, então não venha divulgar o blog por aqui. Se quiser divulgar, mande-nos um e-mail. ;D
-Comente sobre o post em questão.
-Não critique de forma grosseira e nem ofenda as pessoas. Críticas são bem vindas, mas educação, por favor! (Caso isso aconteça o comentário será removido.)
Sendo assim, você pode comentar à vontade! ;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Rafa está lendo

Siga-nos