quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Amaldiçoado-Joe Hill

Ignatius Perrish sempre fora uma pessoa boa e normal. Era um adolescente como muitos por aí, e, ainda na adolescência conheceu Merrin, a sua "alma gêmea". Ele tinha uma vida feliz, uma família legal e um irmão muito companheiro.

O tempo foi passando e Ig já é um jovem adulto. Tudo continuava basicamente do mesmo jeito, porém, houve uma noite em que toda a felicidade de Ig foi tirada dele. Após uma briga (e uma bebedeira), a sua amada Merrin foi estuprada e morta. Por conta disso, Ig foi acusado de ser o responsável desse crime hediondo. Embora ele não tenha feito nada, todas as provas do crime haviam sido perdidas, e, embora nada pudesse acusá-lo, nada podia inocentá-lo.

Um ano, desde o ocorrido, se passou. Após uma bebedeira (sim, outra), Ig acorda com chifres na sua cabeça, normal, né? Após isso, ele começa a perceber que ele exerce um poder sobre as pessoas, que, ao verem Ig, começam a contar seus maiores pecados, segredos e desejos. De primeiro momento achei esse poder incrível, mas minha opinião mudou muito rápido.

Graças a esse seu dom diabólico, ele vai enfim ter a chance de saber o que aconteceu com sua mulher e quem foi o culpado por esse crime horrível. Afinal, quem é pior: o próprio diabo ou o ser humano?

"Se era para viver no inferno da Terra, havia algo de bom em ser um dos diabos."
Página 279

Se você acompanha o blog há algum tempo, sabe que não tenho o costume de ler thrillers, suspenses, livros de horros, e etc. Quando conheci o livro Amaldiçoado (que na época ainda tinha o título de O Pacto), me interessei bastante pela estória, mesmo sendo fora dos livros que eu costumo ler. E acreditam que eu não me arrependi?!

A estória é muito bem construída. O livro possui flashes do passado de Ig, o que fez a estória ficar muito completa e interessante, até mesmo para mim, que não sou acostumada com esse tipo de livro.

Não posso negar que o livro tenha me deixado chocada, pois deixou. Quando algumas personagens contavam seus pecados para Ig, eu parava e me dava uma sensação ruim por saber que as pessoas REALMENTE podem fazer as coisas que as personagens falam que fazem.

Amaldiçoado é uma ótima mistura de ficção fantástica com realidade, que recomendo para qualquer pessoas que gostam de boas estórias. Não vejo a hora de ler outras obras do Joe Hill, pois Amaldiçoado foi uma das melhores leituras que fiz nesse ano.

"A melhor maneira de se vingar de alguém é deixá-lo para trás, quando estiver a caminho de algo melhor."
Página 280

------------

Título: Amaldiçoado (O Pacto)
Autor: Joe Hill
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 320
Avaliação: Ótimo (5/5)

"Ignatius Perrish sempre foi um homem bom. Tinha uma família unida e privilegiada, um irmão que era seu grande companheiro, um amigo inseparável e, muito cedo, conheceu Merrin, o amor de sua vida. Até que uma tragédia põe fim a toda essa felicidade: Merrin é estuprada e morta e ele passa a ser o principal suspeito. Embora não haja evidências que o incriminem, também não há nada que prove sua inocência. Todos na cidade acreditam que ele é um monstro. Um ano depois, Ig acorda de uma bebedeira com uma dor de cabeça infernal e chifres crescendo em suas têmporas. Além disso, descobre algo assustador: ao vê-lo, as pessoas não reagem com espanto e horror, como seria de esperar. Em vez disso, entram numa espécie de transe e revelam seus pecados mais inconfessáveis. Um médico, o padre, seus pais e até sua querida avó, ninguém está imune a Ig. E todos estão contra ele. Porém, a mais dolorosa das confissões é a de seu irmão, que sempre soube quem era o assassino de Merrin, mas não podia contar a verdade. Até agora. Sozinho, sem ter aonde ir ou a quem recorrer, Ig vai descobrir que, quando as pessoas que você ama lhe viram as costas e sua vida se torna um inferno, ser o diabo não é tão mau assim."

(Skoob)



Um comentário :

  1. Olá Rafa, sei bem que você custa ler esse tipo de livro, é raridade ler resenha de livros de suspense, mistério e terror por aqui, ou no caso thriller né.. Confesso que tentei ler esse livro uma vez, quando ele ainda chamava O Pacto, mas não me interessei muito pelas primeiras páginas que li, mas me arrependo. Pelo que li em sua resenha, que ficou muito boa, nas outras páginas tinham histórias que certamente eu gostaria, já que curto exatamente esse tipo de livro kk, mas acredite, na época eu não tinha lido a sinopse, quase não leio até hoje, então não sabia o que tinha nas outras páginas.. Mas, se você gostou certamente vou adorar, quando tiver um tipo irei retomar a leitura o/

    Abraços
    www.entrepaginasdelivros.com

    ResponderExcluir

Nós adoramos comentários e saber o que vocês acharam das postagens, mas tem algumas regras:
-O espaço dos comentários é para os leitores, então não venha divulgar o blog por aqui. Se quiser divulgar, mande-nos um e-mail. ;D
-Comente sobre o post em questão.
-Não critique de forma grosseira e nem ofenda as pessoas. Críticas são bem vindas, mas educação, por favor! (Caso isso aconteça o comentário será removido.)
Sendo assim, você pode comentar à vontade! ;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Rafa está lendo

Siga-nos