sexta-feira, 15 de maio de 2015

Dezesseis Luas-Margaret Stohl e Kami Garcia

Gatlin é uma cidade minúscula e pacata, onde todo mundo sabe sobre a vida de todo mundo e onde todos os moradores parecem "presos" à cidade, já que parece que nunca ninguém vai embora ou chega no lugar. 

Ethan Wate é um menino de dezesseis anos que viveu sua vida inteira em Gatlin, como a maioria das as outras pessoas da sua idade. Diferente de boa parte dos protagonistas desse tipo de livro, ele não é aquele adolescente recluso e sem amigos, na verdade, Ethan é o contrário disso: ele senta na hora do almoço com o "pessoal legal" e até faz parte do time de basquete. Na verdade, a única coisa que o difere da maioria é que ele gosta muito de literatura, mas não sai "divulgando" isso por aí. Seu maior sonho é sair de uma vez de Gatlin, já que ele acha que saindo dali sua vida poderia sair daquela mesmice.

Há alguns meses, a mãe de Ethan faleceu, e desde então ele tem tido alguns sonhos estranhos, onde ele sempre tenta salvar uma menina que ele não consegue ver o rosto. Eis que um dia chega uma garota nova na escola. O nome dela é Lena Duchannes e digamos que ela não tenha o padrão das outras garotas da escola, já que ela se veste e age de forma diferente da maioria. 

Ela já é isolada pelos outros e tudo piora muito mais quando descobrem que ela é sobrinha de Macon Ravenwood, o "recluso" da cidade, que ninguém viu, mas todos temem. Na cidade há vários boatos, dizendo que o homem é isso e aquilo, que esconde corpos e é praticamente um demônio.

Ethan, pela primeira vez na vida decide ir contra os padrões e resolve se aproximar de Lena, já que ele tem absoluta certeza de que ela é a menina dos sonhos dele. Porém, isso não será muito fácil, principalmente porque Lena tem um grande segredo, que pode mudar a vida dela e de muitas pessoas próximas.

"Eu me sentia bem em ter alguém com quem podia conversar sem ter que editar tudo que dizia."
Página 104

Ao vermos a sinopse do livro já temos certeza de que se trata de um romance sobrenatural. Isso assim, de cara, já da para notar. Mas, nesse livro temos um diferencial que eu achei muito legal é que o narrador não é uma menina e sim um menino, quebrando o padrão da maioria dos livros desse gênero.
Outra coisa que eu gostei bastante é que, como em Halo, os "poderes" não estão no menino, e sim na menina. Não que essa inversão de personagens tenha mudado muita coisa, mas é legal ver uma pequena regra sendo quebrada.

A estória toda nesse livro é muito bem feita, o que fez o romance não ser o único foco do livro, embora ele ainda predomine bastante. Todas as ligações com o passado das famílias Duchannes e Wate são muito legais e me deixou com vontade de saber mais.

A cidade ficou com uma descrição quase perfeita. Eu moro em cidade pequena, e, acreditem ou não, mas minha cidade não é muito diferente de Gatlin. Muitas coisas podem parecer exagero, mas realmente acontecem, acreditem em mim.

É um livro muito bom em um todo, mesmo com suas falhas. A série tem quatro livros, então eu espero que todas as minhas dúvidas sejam sanadas nos próximos três livros. Senti falta de saber um pouco mais da vida de Macon Ravenwood, que pra mim foi o melhor personagem do livro todo. Adoraria que fizessem um filler sobre ele, seria muito legal!

O livro também tem filme, que foi lançado em 2013. Vou tentar assistir, mas já estou chorando previamente, já que não me parece tão bom! :/

"-Nunca amei você mais do que amo nesse exato segundo. E nunca vou amar você menos que a amo nesse exato segundo."
Página 483

------------

Título: Dezesseis Luas
Autoras: Margaret Stohl; Kami Garcia
Editora: Galera Record
Nº de Páginas: 488
Avaliação: Muito Bom (4/5)

"Ethan é um garoto normal de uma pequena cidade do sul dos Estados Unidos e totalmente atormentado por sonhos, ou melhor, pesadelos com uma garota que ele nunca conheceu. Até que ela aparece... Lena Duchannes é uma adolescente que luta para esconder seus poderes e uma maldição que assombra sua família há gerações. Mais que um romance entre eles, há um segredo decisivo que pode vir à tona."







0 leitores comentaram:

Postar um comentário

Nós adoramos comentários e saber o que vocês acharam das postagens, mas tem algumas regras:
-O espaço dos comentários é para os leitores, então não venha divulgar o blog por aqui. Se quiser divulgar, mande-nos um e-mail. ;D
-Comente sobre o post em questão.
-Não critique de forma grosseira e nem ofenda as pessoas. Críticas são bem vindas, mas educação, por favor! (Caso isso aconteça o comentário será removido.)
Sendo assim, você pode comentar à vontade! ;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Rafa está lendo

Siga-nos