segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

A Garota Que Eu Quero-Markus Zusak

Markus Zusak é muito conhecido por ter escrito o best seller "A Menina Que Roubava Livros". Poucos sabem que, antes disso ele escreveu outros livros, e um deles foi "A Garota Que Eu Quero", e é sobre ele que vou falar hoje.

Cameron Wolfe (Cam) é um garoto tímido, solitário e se considera um perdedor. Ele tem dois irmãos e uma irmã, e seu melhor amigo é seu irmão Rube. Cam adora Rube, mas não gosta de algumas atitudes dele, principalmente quando o assunto é garotas.

Rube, na verdade, é um conquistador. Todos parecem gostar dele, principalmente as meninas. Rube não é uma pessoa que fica muito tempo em um relacionamento e não trata as garotas muito bem. Uma delas em especial é Octavia, uma menina que desperta o interesse de Cam, já que ela parece ser a única à enxergá-lo.

Depois que Rube e Octavia terminam, Cam e Octavia começam um romance. Diferente do que você provavelmente está imaginando, o foco do livro na realidade não é o relacionamento de Cam e Octavia, e sim a relação dele com Rube. Isso porque, na verdade, este livro faz parte de uma trilogia chamada "Irmãos Wolfe", e este é o terceiro livro. Os outros livros não foram publicados pela Intrínseca e eles tiveram a brilhante ideia de publicar o terceiro livro como se fosse uma história só. Sim, eu fiquei revoltada com isso e sim, eu fiquei sabendo isso apenas depois do término do livro.

" - E você? Sobrevivendo?
 - É. Sempre."
Página 21

Eu li "A Menina Que Roubava Livros" há alguns anos e gostei bastante, então minhas expectativas para esse livro eram grandes. Não O romance, mas posso dizer que é um livro bom. Uma coisa que a capa, o título e TODO o livro sugere é que o foco vai ser em Octavia e Cam, e não é bem assim, como eu disse acima.

Eu fiquei bem revoltada ao saber que o livro fazia parte de uma trilogia, já que a Intrínseca fez o favor de ignorar completamente esse fato. Eu acho que eu teria aproveitado bem mais a estória se eu tivesse lido os outros livros, embora dê pra ler este tranquilamente este sem ter lido os outros.

O livro é super curtinho, rápido de ser lido, com uma diagramação ok e com uma boa estória. O protagonista também é legal e é um bom menino. É triste o complexo de inferioridade que ele tem, principalmente perante os irmãos, até porque não temos muitos personagens no livro todo.

É daqueles livros que você sempre quer saber mais, e eu achei isso um pouco negativo no caso deste livro, já que as respostas não vêm até você de forma alguma. Eu queria saber mais sobre a vida de Cam fora de casa, na escola e tudo o mais, e temos pouco disso presente no livro. Acho que foi isso que fez o livro não ser tão legal pra mim.

No quesito romance eu achei ele bem realista, sem nada de muito extraordinário, o que é bom, para quem não gosta muito de romance. Na verdade, eu passei o livro todo esperando que algo bombástico acontecesse, mas o livro começou em um ritmo e terminou do mesmo jeito.

É um bom livro para passar o tempo, mas não foi um livro que tenha mudado minha vida. Acho que é isso. haha

"Há inúmeros momentos a serem lembrados, e às vezes acho que não somos pessoas, na verdade. Talvez sejamos momentos."
Página 173

------------

Título: A Garota Que Eu Quero
Autor: Markus Zusak
Editora: Intrínseca
Páginas: 176
Avaliação: Bom (3/5)
"O Rube nunca amou nenhuma delas. Nunca se importou com elas. Nem é preciso dizer que Rube e eu não somos muito parecidos em matéria de mulher. Cameron Wolfe é o caçula de três irmãos, e o mais quieto da família. Não é nada parecido com Steve, o irmão mais velho e astro do futebol, nem com Rube, o do meio, cheio de charme e coragem e que a cada semana está com uma garota nova. Cameron daria tudo para se aproximar de uma garota daquelas, para amá-la e tratá-la bem, e gosta especialmente da mais recente namorada de Rube, Octavia, com suas ideias brilhantes e olhos verde-mar. Cameron e Rube sempre foram leais um com o outro, mas isso é colocado à prova quando Cam se apaixona por Octavia. Mas por que alguém como ela se interessaria por um perdedor como ele? Octavia, porém, sabe que Cameron é mais interessante do que pensa. Talvez ele tenha algo a dizer, e talvez suas palavras mudem tudo: as vitórias, os amores, as derrotas, a família Wolfe e até ele mesmo."
(Skoob)


0 leitores comentaram:

Postar um comentário

Nós adoramos comentários e saber o que vocês acharam das postagens, mas tem algumas regras:
-O espaço dos comentários é para os leitores, então não venha divulgar o blog por aqui. Se quiser divulgar, mande-nos um e-mail. ;D
-Comente sobre o post em questão.
-Não critique de forma grosseira e nem ofenda as pessoas. Críticas são bem vindas, mas educação, por favor! (Caso isso aconteça o comentário será removido.)
Sendo assim, você pode comentar à vontade! ;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Arquivo

Rafa está lendo

Siga-nos