segunda-feira, 13 de agosto de 2012

O Zahir-Paulo Coelho

Título: O Zahir
Autor: Paulo Coelho
Editora: Rocco
Nº de Páginas: 316

Sinopse:
O Zahir é uma história de amor, perda e paixão obsessiva. Um autora conhecido que escreve, como Paulo Coelho, sobre espiritualidade, e que percorreu, igualmente, o Caminho de Santiago, descobre que sua mulher, uma correspondente de guerra, o abandonou, sem deixar vestígios.
Para encontrá-la o autor terá de percorrer muitos caminhos e seguir pistas. Como um Ulisses moderno, terá que se desviar de tentações e encontrar os ventos que, finalmente, vão levá-lo à chave essencial: a plena descoberta do seu eu interior.
Narrativa permeada de comentários e reflexões sobre a riqueza, a fama e o casamento, O Zahir acompanha o escritor no profundo mergulho em sua obsessão na ânsia de encontrar razões que levaram sua amada a desertá-lo.
Obra em que os paralelos entre a vida do autor Paulo Coelho e a vida de seu personagem são fascinantes, tornando a leitura ainda mais intrigante, O Zahir inspira-se na tradição islâmica e num conto de Jorge Luis Borges, de O Aleph. É deles que sai o conceito de "zahir", essa presença que ocupa todo o espaço da mente e da existência de quem sabe que é impossível resistir ao amor.

-----------

O que você faria se seu amor te "abandonasse"? E se seu amor não saísse de sua cabeça por nada? Ou pior, e se você tivesse que ficar cara a cara com o suposto amante da pessoa?

Isso e muito mais você encontrará em O Zahir. Abordando alguns assuntos considerados tabus até hoje e para criarmos novos conceitos sobre riqueza, fama, dinheiro, espiritualidade entre outros.

-----------

Bom, primeiramente gostaria de pedir minhas sinceras desculpas por ter demorado tanto para ler esse livro (sim, eu demorei TREZE dias para lê-lo). Mas, quando o livro não é muito interessante, pelo menos não ao meu ponto de vista, eu demoro muito para ler. Pois eu começo a ficar meio desinteressada e tal. 
Então, eu na verdade não gostei muito do livro. A história seria bem envolvente, mas acho que o que estragou foi a narrativa. A narrativa é muito arrastada e com muitos detalhes que eu achei desnecessários. Além de que tem partes que eu fiquei tipo: "Peraí, como assim?".
Vou confessar que o final foi bem marcante, e que eu não esperava que acontecesse o que aconteceu. Mas tem coisas que não foram muito bem esclarecidas.
Tem partes que me envolveram, mas acho que o autor poderia ter caprichado mais!

Avaliação: Regular


Um comentário :

  1. Nunca li Paulo Coelho, mas essa semana ganhei um livro dele de presente [dá uma olhada lá no blog, na coluna meu correio pessoal] e estou prestes a ler, o livro foi "Onze minutos", você já leu? gostou?
    beeijo Rafa, tô seguindo :**

    ResponderExcluir

Nós adoramos comentários e saber o que vocês acharam das postagens, mas tem algumas regras:
-O espaço dos comentários é para os leitores, então não venha divulgar o blog por aqui. Se quiser divulgar, mande-nos um e-mail. ;D
-Comente sobre o post em questão.
-Não critique de forma grosseira e nem ofenda as pessoas. Críticas são bem vindas, mas educação, por favor! (Caso isso aconteça o comentário será removido.)
Sendo assim, você pode comentar à vontade! ;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leitores!

Todos os textos são feitos por nós, não copie sem por os devidos créditos! Plágio é crime!. Tecnologia do Blogger.

Newsletter

Arquivo

Rafa está lendo

Siga-nos